domingo

Sentir infinito

No silêncio do teu olhar
liam-se as palavras de amor
que jamais alguém proferira
Teu abraço envolveu o meu corpo
as minhas mãos perderam-se nos teus cabelos
e um sentir infinito, quando dois são um
inundou-nos o Ser

Bebeste a lágrima que rolou na minha face
senti teus lábios escaldantes e sôfregos
de encontro aos meus que se entreabriam
e nossas línguas saciaram a fome
de ti e de mim

No desejo incontido olhámo-nos
os nossos pensamentos unidos
num único sentido
e no vaivém do prazer os corpos envolviam-se


Nesse momento, nada mais existe
só nós,
Dois seres num único Ser

25 comentários:

amigona avó e a neta princesa disse...

Não sei se gosto mais da foto se das palavras! Lindo minha amiga...quanto ao prémio vou levá-lo logo,logo...não omereço, de todo, mas prémio de amigo aquece o coração!...Muito obrigada pela tua amizade...ÓPTIMO domingo...

Pena disse...

Lindo "Sentir Infinito".
Natural. Sensual. Sedutor.
Consolidado numa vivência de si.
Um acto de amor natural, sensível e descrito com ternura.
A sua ternura!
Beijinhos de amizade pura
Com estima sincera


pena

Adriana disse...

O que falar de algo tão belo??Apenas, que coisa linda!1

su disse...

É o que se dá quando se encontram as almas gêmeas, porque eu acredito neste conceito e no seu significado. Existem coisas que são inexplicáveis através das palavras e do entendimento humano. Fica para o campo do Sentir.
E tão bem e de um modo tão bonito nos mostraste este teu sentir! :)
Já leste A Lei do Amor, da Laura Esquivel? Anda à roda desta questão. É lindo!

Beijo grande grande aqui da Teia.

Sol da meia noite disse...

Doce plenitude. A consumação do sentir.

Muito bonita a forma como o transmites. Perfeito!

Beijinhos

Maria Simplesmente disse...

Este poema é muito forte, muito belo eu adoro, mas... Maria ainda não viste a tua caixa do correio?
Não atendeste ao meu pedido?
Porquê?
Faz o que te pedi por favor.
Um beijo
Maria

Maria Luar disse...

Belo o teu poema.Pleno de sentir.
Abraço

Maria disse...

Ai que o amor anda mesmo por aqui mo blogo.... e que bom.....
O beijo o abraço o vai e vem do amor o... o.... o resto...
... por aqui, por ali....
Que bom! E que bonito o teu poema!
Beijos

gaivota disse...

tudo muito lindo...um domingo assim, bem...
muita paixão, muito amor, muito tudo!
parabéns!
beijinhos

Bichinho disse...

Beijo fantasma.

Gerlane disse...

Belas, expressivas e sugestivas palavras. Foto igualmente bela e expressiva!

Beijos!

Pecadormeconfesso disse...

Gostei.

Maçã com Canela disse...

Palavras lindas...
E as lagrimas salgadas também caem no meu rosto...
Mas é sempre tão lindo ver o amor entre dois seres... É sempre tão bom sentir duas almas felizes!

Beijo Marias!!!!!

poetaeusou . . . disse...

*
Bebeste a lágrima que rolou na minha face,
,
sede de . . .
,
conchinhas
*

Artur Moura Queirós disse...

Esses momentos marcam o sentido da vida em comunhão de pensamento e sentimento premiada com a sensação de prazer...:)

Gostei muito da intensidade das palavras...:)

Seriamente disse...

Sentir assim, viver assim, escrever assim...é uma benção!

multiolhares disse...

Quando dois seres se transformam em um
Dá-se a união de almas gémeas,
Beijinhos
luna

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá minha querida Marias, grata por passares pelo meu cantinho dos pensamentos.
Muitos beijinhos, de carinho e amizade.
Fernandinha

tempoparaamar disse...

Lindo!é parece que estamos em sitonia do amor beijinho.

MIMO-TE disse...

Linda a imagem, lindissimo o poema.:)

Adorei

Mimos de mim

Pecadormeconfesso disse...

Fiquei a pensar nas palvras que me deixaste no Blog

FM disse...

Dois num único ser... Deveria ser sempre assim, não??!

RASTINOV disse...

Como num sonho! O único "óbice" para alguns (des)afortunados é que passa a pesadelo!
Também a sério: lindo e parabéns!

muguet disse...

simplesmente lindo...

Anónimo disse...

venha participar em www.luso-poemas.net

seria uma honra para nos a sua presença:)
beijinho enorme